TUTOR - SUE HECKER



Segundo livro da série Mosaico da autora Sue Hecker, Tutor conta a estória do arquiteto Pedro e de Beatriz, filha adolescente de um casal amigo que fica sob sua guarda quando os pais falecem.

Bia se apaixona a primeira vista e Pedro, apesar de se sentir atraído, reluta em ter qualquer sentimentos por causa da diferença de idade, da moralidade por ser responsável em criá-la e por ser portador de TOC.

Os anos passam e a atração entre eles fica mais difícil de suportar. Até quando Pedro vai resistir as artimanhas de Bya? E como lutar contra uma doença que o envergonha? 

E como, nós leitoras, fazemos para não nos apaixonar por um homem tão intenso e irresistível?  

A estória tem como cenário a cidade de São Paulo. Pedro e Bya frequentaram diversos lugares e o Romance & Turismo pesquisou sobre dois deles: 

O Parque Ibirapuera, onde Bya jogou as cinzas de seus pais e que toda manhã fazia questão de olhar da varanda do apartamento do Pedro e dar bom dia para aqueles que perdeu bruscamente.

E Vila Madelena, onde Beatriz foi trabalhar no lugar da amiga e Pedro enciumado foi atrás. Assim fomos brindados com uma cena engraçadíssima envolvendo uma bebida com mel.



  • Parque Ibirapuera

Resultado de imagem para parque ibirapuera


Um dos destinos mais procurados pela população paulistana e uma das mais importantes áreas verdes, de cultura e lazer da cidade, foi inaugurado durante as comemorações do IV Centenário de São Paulo, em 21 de agosto de 1954, do projeto concebido pelos arquitetos Oscar Niemeyer, Ulhôa Cavalcanti, Zenon Lotufo, Eduardo Kneese de Mello, Ícaro de Castro Mello, além do paisagista Augusto Teixeira Mendes.



O parque conta com uma flora em torno de 494 espécies, dentre elas, algumas ameaçadas de extinção como o pau-marfim. O Viveiro Manequinho Lopes produz mudas para interior e exterior, medicinais e recebe e distribui para os programas de arborização urbana.



A fauna também está presente no Ibirapuera com 218 espécies como borboletas, peixes, répteis (incluindo serpentes), anfíbios, mamíferos e aves. Inclusive é possível observar várias espécies de pica-pau que chegam na primavera. A Divisão de Fauna - Unidade de Atendimento e Manejo À Fauna Silvestrepresta atendimento veterinário visando à recuperação de animais silvestres da cidade São Paulo e pelo levantamento e conservação da fauna municipal.


A infraestrutura do Ibirapuera possui pista de cooper, parque infantil, lanchonetes, áreas de estar, ciclofaixa, bicicletário com aluguel de bicicleta, fonte multimídia, quadras poliesportivas, campos de futebol, aparelhos de ginástica e Praça Burle Marx.


O Herbário Municipal possui um acervo de plantas identificadas e catalogadas, sendo fontes para pesquisas. As mais de 12.000 espécies estão prensadas e secas, o que as mantém conservadas. 

O Museu Afro Brasil destaca a perspectiva africana na formação do patrimônio, identidade e cultura brasileira, celebrando a Memória, História e a Arte Brasileira e a Afro Brasileira.


A Universidade Aberta de Meio Ambiente e Cultura de Paz (UMAPAZ) tem como propósito a difusão da educação socioambiental com promoção de cursos, oficinas e encontros.



O Pavilhão das Culturas Brasileira é um espaço de exposição e centro de referência e pesquisa em proteção e divulgação da diversidade cultural brasileira.



O Planetário Professor Aristóteles Orsini é o primeiro construído no Brasil  e seu prédio é um importante patrimônio histórico, científico e cultural, abrigando regularmente sessões abertas ao público. Com o Projetor StarMaster instalado em uma sala, é possível avistar o céu de qualquer ponto já conhecido do universo e  a capacidade de realizar uma simulação de qualquer ponto do sistema solar. Do lado externo pode-se acessar o Relógio de Sol e a Esfera Armilar Equatorialinstrumento composto por diversos anéis, cada anel move-se separadamente e representa um dos elementos do cosmos.


A Escola Municipal de Astrofísica Professor Aristóteles Orsini (EMA) oferece cursos e palestras de níveis variados, destinados a estudantes do ensino básico, astrônomos amadores, professores e interessados em ampliar seus conhecimentos no campo da astronomia. 



O Pavilhão Lucas Nogueira Garcez (OCA), outro projeto de Oscar Niemeyer, possui uma estrutura peculiar e recebe diversas exposições e instalações durante todo o ano. No passado chegou a abrigar o Museu da Aeronáutica de São Paulo e o Museu do Folclore.


Na Escola Municipal de Jardinagem são oferecidos cursos, palestras e oficinas destinados ao público que deseja ampliar seus conhecimentos na área de jardinagem. Abriga também o Programa de Atendimento às Plantas, com o propósito de auxiliar aos interessados a a forma correta de cuidar das plantas.



O Auditório Ibirapuera, projetado por Oscar Niemeyer, promove  shows e espetáculos e possui uma escola que oferece aulas de música.



O Bosque da Leitura está vinculado ao Sistema Municipal de Bibliotecas e seu ambiente cultural incentiva a leitura e o acesso à informação. Para seu acervo literário, aceitam doações de livros, revistas, quadrinhos, mangás e gibis.




A Fundação Bienal, criada na década de 50, tem como sede um pavilhão emblemático projetado por Oscar Niemeyer, e é responsável pela  organização da Bienal Internacional de Arte de São Paulo desde a 7ª edição. Anualmente promove exposições de arte e outros eventos de grande porte.



O Museu de Arte Moderna tem uma coleção com mais de 5 mil obras produzidas pelos nomes mais representativos da arte moderna e contemporânea, principalmente brasileira.  E também promove atividades como cursos, palestras e performances.



O Pavilhão Japonês foi Inspirado no Palácio Katsura, em Quioto, e promove a memória e as tradições da cultura japonesa.



O CECCO é um espaço que oferece ações de caráter cultural, educativo e de saúde.

O Parque Ibirapuera está localizado na Av. Pedro Álvares Cabral, s/n - Vila Mariana e funciona diariamente das 5h às 0h.



  • Vila Madalena

Resultado de imagem para vila madalena

O bairro era conhecido no início do século 20 como Vila dos Farrapos, por atrair pessoas de menor poder aquisitivo em busca de moradia mais barata. Quando um fazendeiro loteou a região deu a cada pedaço o nome de uma filha. Ida e Beatriz dão nome aos bairros vizinhos.


A boemia nasceu em meados de 1970 quando professores e universitários começaram a residir no bairro pela proximidade com a USP e se juntavam para conversar, beber e ouvir música. E também foram responsáveis pelos nomes líricos das ruas por causa do movimento anarquista, como Harmonia, Purpurina e Girassol.


Imagem relacionada


O acesso ao bairro pode ser feito com carro particular, taxi, ônibus ou metrô. E há diversos lugares para se divertir, desde padarias, mercadinhos, bares e restaurantes até galerias de arte.


Imagem relacionada
Quando fui conhecer Vila Madalena fiquei no Bar Salve Jorge na Rua Aspicuelta, 544. A decoração faz alusão aos Jorges famosos, desde São Jorge até George Washington, passando por Jorge Ben Jor e daí por diante. A bebida sempre gelada e comida deliciosa me faz querer voltar. 



Resultado de imagem para feira da vila madalena



Uma vez por ano, se organiza a Feira da Vila no bairro, que promove a culinária, o artesanato e a cultura local. 






  • Comentários Pessoal:


Esse livro é tão intenso, tão emocionante, tão excitante e tão apaixonante que deu pena terminar de ler. Eu queria mais páginas! Fiquei ainda um tempo em extase e imaginando a continuação da estória.

Sue Hecker descreveu o Pedro com tanta perfeição que senti na alma seus traumas e suas crises do Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC). Além de explicar para o leitor todo o processo da doença, o diagnóstico, o tratamento e o comportamento do portator.

A leveza da relação vem com Beatriz, que promove cenas inusitadas e hilárias para conquistar o Tutor mais sexy do planeta. Da adolescência até a idade adulta, ela sempre soube o que queria e o passar dos anos não diminuiu seu sentimento, pelo contrário, lhe deu forças para investir em busca do sucesso.

E como se isso tudo não bastasse, ainda existem as cenas quentíssimas entre o casal, que a autora escreveu com tanta maestria e emoção que em nenhum momento ficou vulgar. Foram cenas de amor, daquelas que qualquer mulher sonha viver com seu parceiro.

Abaixo coloco um book trailler do livro com a música "Você é o Meu Ar" na voz do Diogo Milani e composição do Fabricio Casttro especialmente para o Pedro. 








4 comentários:

  1. Você me fez chorar! Que lindo poder reviver cenas, relembrar lugares e viajar por cada lugar detalhado. Amei a resenha, obrigada sua linda pelo carinho.

    ResponderExcluir
  2. Gente, eu sou apaixonada nesse livro! Meu favorito da série!!! Que show de resenha, parabéns!! Pedro é mais que um personagem, é quase real!

    ResponderExcluir
  3. Amei a resenha e conhecer um pouco dos lugares que se passam a historia!

    ResponderExcluir
  4. Oi Marcia!
    Que resenha linda! Estou no comecinho do livro, mas já si que ele vai mexer muito com minhas emoções.
    Bjus

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Te aguardo novamente.