NÃO ME ESQUEÇAS – BABI A. SETTE

Imagem relacionada

Babi A. Sette veio nos encantar com mais um romance da série Flores da Temporada. “Não Me Esqueças” conta a estória de Lizzie, a filha do casal Kathelyn e Arthur, com Gareth, um misterioso chefe de clã escocês.

A série Flores da temporada tem três livros. O primeiro, "A Promessa da Rosa" conta a estória de Kathelyn Stanwell, uma jovem voluntariosa, inteligente e idealista. E do nono duque de Belmont, Arthur Harold, lindo, rico e cabeça dura.

O segundo livro da série, “O Despertar do Lírio” conta a estória de Lilian Radcliffe, honrada e tímida irmã da Kathelyn, com Simon Thorn, o libertino vingativo.

E como fã da autora, não poderia deixar de colocar aqui os lugares do livro. 

Venham fazer essa viagem também.


  • GLOUCESTERSHIRE


É um condado na região sudoeste da Inglaterra, que se divide em três áreas: Cotswolds, Royal Forest of Dean e o Severn Valley e faz fronteira com: a oeste com o condado de Gwent no País de Gales, a noroeste com Herefordshire, ao norte com Worcestershire, a nordeste com Warwickshire, a leste com Oxfordshire, ao sul com Wiltshire e a sudoeste com Bristol e Somerset.





➤Cotswolds

São uma cadeia de pequenas colinas que tem uma parte em Gloucestershire e outras partes em Oxfordshire, Wiltshire, Somerset, Warwickshire e Worcestershire. O rio Tamisa tem sua nascente nessa região.

As cidades e aldeias Mais famosas de Cotswolds são: Bourton-on-the-water, Stow-on-the-wold, Cheltenham e Tewkesbury. Ao passear pela região pode-se desfrutar do ambiente rural e conhecer lindas paisagens sobre o rio Severn.
 ➤Bourton-on-the-Water
É um dos principais pontos turísticos da região e considerada a Pequena Veneza Inglesa, por ser atravessada pelo rio Windrush e sua série de pontes elegantes.
Atualmente, alguns de seus prédios tradicionais funcionam como lojas e cafés.
Suas atrações turísticas são:
1- Birdland 
É um zoológico de pássaros, com uma espetacular coleção de pinguins, alguns vieram das ilhas do Atlântico Sul, além de possuir uma enorme variedade de aves exóticas.

2- The Cotswolds Perfumery Shop & Factory 
Fábrica e perfumaria tradicional. Fez perfumes personalizados para a Rainha da Inglaterra.


3- Cotswold Motoring Museum & Toy Collection 
Possui coleções de automóveis antigos e clássicos, motocicletas, caravanas e curiosidades automobilísticas.

4- Dragonfly Maze 
É um labirinto de teixo com um pavilhão no centro. O objetivo não é somente chegar ao pavilhão, mas juntar pistas ao atravessar o labirinto. Se interpretar corretamente essas pistas ao chegar ao pavilhão, terá acesso  permitido ao segredo final do labirinto.

➤Stow-on-the-wold
Stow-on-the-Wold tem cerca de 2000 habitantes e é a mais alta cidade de Cotswold, tem cerca de 244 metros de altura.
Na idade média a cidade era famosa por suas feiras anuais, onde eram vendidas em torno de 20.000 ovelhas. As lãs de Cotswolds eram as mais conhecida em toda Europa.
Seu centro comercial tem variedade de lojas de antiguidades, galerias de arte, de artesanato e presentes, restaurantes e cafés.
O funeral de John Entwistle, o famoso baixista do The Who, foi realizado na Igreja St Edward Stow-on-the-Wold em 10 de julho de 2002.
Atrações:
1- Gypsy Horsefair 
Os ciganos de todos os lugares da Inglaterra se reúnem em maio e outubro em Stoe-on-the-wold para uma feira de cavalos.




2- Cricket Museum

Museu com coleção de artefatos de cricket, histórias de jogos e de famosos jogadores desse esporte.




➤Cheltenham


Cheltenham fica a cerca de duas horas de Londres e é uma das maiores cidades de Cotsworld, com 110 mil habitantes. E sua arquitetura se parece mais com uma minimetrópolis, diferenciando-se das outras cidades e aldeias da região.

Em 1716 foi descoberta uma fonte de água mineral, tornando-se famosa e atraindo personalidades como o Rei George III e a escritora Jane Austen (nossa musa)

➤Tewkesbury
Tewkesbury é uma cidade próspera, apesar da aparência medieval perfeitamente preservada e de ser um museu vivo que abrange mais de 500 anos de história, atualmente.
Suas paisagens medievais encanta o visitante, que pode descubrir os encantos escondidos ao longo dos becos estreitos ou fazer um passeio de barco ao longo do rio.
Pontos Turísticos:

1- Abadia de Tewkesbury  

Construída no século XII tem a torre normanda mais alta da Inglaterra, bem como uma arquitetura rica e artística.



2- John Moore Museum 
Possui uma coleção sobre história natural e mamíferos e pássaros preservados, quase todos foram vítimas de acidentes ou predadores. Há exibições de ferramentas manuais e abriga parte da coleção Alan R. Jack com esculturas de vida selvagem, feita inteiramente de peças de sucata.

3- Old Baptist Chapel 
A antiga Capela Batista foi originalmente um salão do século XV e no século XVII foi adaptado para um local de culto religioso. Foi restaurado há cerca de 30 anos. Acredita-se que seja uma das primeiras Capelas Batista na Inglaterra.

4- Abbey Mill 
Acredita-se que o Moinho remonta do final do século XII, quando o rio Avon foi desviado para a cidade para alimentar o moinho do mosteiro beneditino. 
O edifício atual é do final do século 18 e foi usado até 1933.

  •  ROYAL FOREST OF DEAN




Localizada entre o Wye Valley, o Leadon Valley e o Severn Valley, a Royal Forest of Dean é uma dos poucas florestas primárias remanescentes da Inglaterra, que abriga uma gama espetacular de beleza natural combinada com uma aura de magia e mistério que tem sido a inspiração para muitos artistas e escritores.
Desde a conquista normanda em 1066 até 1971, a Floresta de Dean, abastecida com cervos e javali, era um campo de caça real e usada exclusivamente pelos reis Tudors. Posteriormente passou a ser fonte de alimento para a corte real.
Além disso, seus ricos depósitos de minério de ferro fizeram com que se tornasse uma importante fonte de ferro. A madeira de boa qualidade era considerada a melhor fonte para construção de navios. A coroa tinha os direitos exclusivos de madeira e minerais.
Há muitas outras atrações para manter visitantes e turistas da floresta ocupados. Pode-se participar de safaris de cervos, caminhadas ou incursões organizadas pela Comissão Florestal.


No equinócio de outono ou primavera as marés estão cheias e ocorre o incrível fenômeno natural Severn Bore, uma espécie de pororoca, e sua grande onda pode ser vista no estuário do rio Severn, onde a maré é a segunda mais alta do mundo, com até 15,4m.




Não se pode deixar de vistar o Berkeley Castle, que foi construído em 1117 e continua a ser a residência da família Berkeley.

Com quase 1.000 anos de história, o castelo é mais conhecido como a cena do assassinato de Edward II, em 1327, e por ter sido sitiado pelas tropas de Cromwell, em 1645.
Atualmente o castelo realiza eventos especiais em feriados e durante as férias escolares e está aberto à visitação.




  • INVERNESS


Capital da Highlands, as famosas Terras Altas Escocesas, Inverness é uma cidade pequena, mas importante, pois carrega o título da quinta cidade mais importante da Escócia.

A cidade é cortada pelo Rio Ness e possui 3 pontes, inclusive uma para pedestres passarem de um lado ao outro. Do lado esquerdo pode-se visitar o Bought Park e a estufa Foral Hall.

A High Street é a principal rua de comércio da cidade, com lojas de produtos típicos, restaurantes e pubs. Ao percorrer a rua, pode-se encontrar músicos vestidos com os trajes típicos.


Há 8 km de Inverness localiza-se Culloden, onde em 1746 ocorreu a maior batalha entre escoceses e ingleses. No local pode-se ver as tumbas dos diversos clãs escoceses que participaram da batalha, além da Pedra de Cumberland e o Memorial Cairn. No verão são feitas encenações recriando a batalha.


E obviamente, Inverness também tem um castelo. O Inverness Castle infelizmente não está aberto ao público. Pode-se passear pelos seus jardins e admirar a vista da cidade, já que o castelo está localizado no alto de uma colina. 


Inverness também é ponto de partida para vários lugares das Highlands. Ao visitar o local, prepare-se para o frio, pois está mais próximo dos árticos, e principalmente, prepare-se para as emoções de conhecer as paisagens mais lindas do mundo.


Os demais locais mencionados no livro são fictícios.


COMENTÁRIOS:

Esse livro é simplesmente fantástico! 

A Babbi tem um dom de escrita que te transporta para a estória. Encarnei a própria Lizzie e senti na carne seus anseios, suas dores, suas emoções boas e ruins. Amei como a Lizzie e chorei como ela e como eu mesma.

Se ainda não leu nenhum livro dessa série, não perca mais tempo e corre pra ler. Não vai se arrepender! Comece pelo primeiro para conhecer a estória da sua família, apesar de entender o Não Me Esqueça sem ler os anteriores.

Espero que tenham gostado e aguardo comentários e sugestões.





2 comentários:

  1. Amei sua postagem Márcia!
    Ainda não li nenhum livro da série, mas ao embarcar com você nesta viagem fiquei mega curiosa e empolgada para ler.
    Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Lia. E leia os livros sim, não vai se arrepender.

      Excluir

Obrigada pelo seu comentário. Te aguardo novamente.