Convênio entre Polícia Federal e TSE reduzirá o tempo na emissão de passaporte


Resultado de imagem para passaporte brasileiro


No dia 16 de novembro de 2017 o diretor geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, e o presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, assinaram um convênio que permitirá o compartilhamento dos dados dos eleitores.

Com esse convênio a Polícia Federal vai usar o banco de dados biométrico do Tribunal Superior Eleitoral em suas investigações e na emissão dos passaportes.

O brasileiro que fez o cadastramento biométrico nos postos eleitorais não terão necessidade de fazer novamente para emitir um passaporte. De acordo com Fernando Segóvia, essa medida pode reduzir em até 60% o tempo para a emissão do passaporte.

Ainda não foi definida uma data para início dessa facilidade. O Blog Romance & Turismo está atento e vai informá-los sobre mais notícias divulgadas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário. Te aguardo novamente.